O que são tracklogs e como usá-los para fazer trilha?

19 de abril de 2018 Destinos e roteiros186

Utilizar o GPS – e demais aplicativos de localização – é item essencial no dia a dia das pessoas, seja na hora de fazer montanha ou não. Porém, quando se trata da realização de trilhas, independentemente do seu nível de dificuldade, nunca é demais contar com outros auxiliares de localização e preparação. É nesse âmbito que os tracklogs ganham importância. Você já ouviu falar sobre eles?

– Veja também: Conheça os equipamentos de trilha essenciais para a sua prática

Qual a importância dos tracklogs para quem vai fazer uma trilha?  

Os tracklogs são as marcações de GPS em trilhas que indicam o trajeto de um ponto até o outro. Funcionam como grandes aliados para aqueles que fazem trekking em lugares pouco explorados e exigem um maior planejamento de rota.

A principal diferença entre o GPS e os tracklogs é que o GPS é guiado por satélites, enquanto os tracklogs são feitos pelos próprios trekkeiros.

Como são feitos e como utilizar os tracklogs?

A tecnologia já oferece inúmeras ferramentas que auxiliam na marcação de logs. Aplicativos, fóruns e plataformas são de grande valia para manter os tracklogs atualizados e confiáveis.

A utilização dos tracklogs pode ser feita por meio do GPS tradicional ou pelo celular. Cabe ao trekkeiro decidir qual é a melhor opção para cada trilha. O objetivo é sempre primar pela segurança e aproveitar ao máximo o trajeto sem que haja algum imprevisto.

Os tracklogs funcionam como importante auxílio na hora de optar pela melhor rota baseada na experiência de outros aventureiros. Ali, são compartilhadas informações especializadas sobre: tempo de duração da trilha, grau de dificuldade, altitude, topografia e possíveis problemas. Por isso são tão importantes e merecem atenção de qualquer pessoa que deseja fazer trilha.

Um das funcionalidades do tracklog é, por exemplo, mostrar qual o caminho você já percorreu – e, com isso, evitar que você passe novamente por ele. Outra utilidade das tracklogs é para fazer mapas. O log pode ser transferido para programas de edição de mapas e ser usado como referência para desenhar estradas e ruas, ou para georreferenciar imagens aéreas.

Os tracklogs funcionam como uma forma de montanhistas mais experientes ajudarem aqueles que ainda estão no começo ou que nunca fizeram aquela trilha antes. Sempre é importante contar com esse auxílio tecnológico para se ter sucesso na trilha – e gastar energia apenas com o que deve ser gasto, e não com possíveis imprevistos na rota, por exemplo.

– Confira: Trilha para iniciantes: 7 dicas para começar agora

Melhores aplicativos para tracklogs

Para usar as tracklogs, é possível contar com o auxílio de aplicativos desenvolvidos especialmente para facilitar a vida dos montanhistas. Alguns dos apps que merecem destaque são:

Maps 3D PRO

Esse é um aplicativo pago, mas atende as necessidades de visualização e planejamento da trilha. Além do gráfico em 3D, também permite compartilhar os tracklogs nas redes sociais, marcação de pontos de interesse, waypoints (pontos específicos da trilha) e fornece informações extras, como: como altitude, velocidade e distância.

Wikiloc

Esse app permite que o usuário crie seus próprios tracklogs. Também oferece a opção de utilizar tracklogs de terceiros. Outras funcionalidades legais do Wikiloc são: tirar fotos e marcá-las em pontos específicos da rota. Assim como o Maps 3D, o Wikiloc também tem dados de velocidade e altitude em tempo real – e permite o compartilhamento nas redes sociais.

GPS Essentials

Apesar de extremamente completo, o GPS Essencials tem uma interface um pouco confusa. O app trabalha com os formatos KML e GPX. Isso permite que as suas tracklogs sejam utilizadas diretamente no Google Maps, Google Earth e serviços similares. É um dos apps mais completos para trekking: oferece dashboards, bússola, câmera, dados completos de satélites, latitude, longitude e velocidade.

Maverick

Com esse app é possível gravar caminhos no formato GPX (compatível com Google Earth) e compartilhar a sua posição atual ou planejada nas redes sociais. Também oferece acesso a dados como: velocidade, altitude, latitude e longitude. Possui a função de bússola e de diferentes tipos de mapas, inclusive com opções de transportes urbanos.

Tem mais alguma dúvida sobre os tracklogs? Nos deixe aqui nos comentários que vamos ficar felizes em te ajudar!

blogvento

blogvento